Histórias e Empregabilidade
Economia Criativa
Campanhas MPT

Sobre o Projeto

O objetivo do Projeto Somos Maioria é disponibilizar currículos virtuais de grupos historicamente vulneráveis, referidos muitas vezes como minorias, o que gera a impressão de que estamos falando de poucas pessoas, quando, na realidade, são a maioria numérica da população brasileira.

A proteção especial destinada a estes grupos é imprescindível para que os seus direitos, garantidos por lei, encontrem instrumentos hábeis a torná-los eficazes, permitindo que todos possam alcançar a universalidade dos direitos humanos e a igualdade de oportunidade como ponto de partida.

O site busca fazer com que mais pessoas escutem e tenham acesso aos grupos historicamente vulneráveis, assim como ser um meio para que as empresas possam promover e estimular a diversidade.

Promover o emprego pleno e produtivo e o trabalho decente para todas e todos é uma das formas de atingir a dignidade humana e o valor social do trabalho.

Temos plena ciência de que o trabalho decente não representa apenas o acesso à democratização de riquezas; é imprescindível para qualquer cidadão criar a sua narrativa de vida e garantir a sua inclusão social, cultural e familiar.

É preciso estar ciente de que a defesa dos grupos historicamente vulneráveis significa preservar os direito humanos, para que a maioria democrática não se faça opressiva, preservando a igualdade real.

Projeto gera renda a populações de São José dos Campos

"Eu abraço essa causa: eu uso máscara", possibilita que grupo de costureira autônomas gere renda com a fabricação de máscaras de tecido, que serão posteriormente distribuídas gratuitamente em abrigos e bairros carentes de São José dos Campos. ​

O Ministério Público do Trabalho (MPT) em São José dos Campos destinou o valor de R$ 80 mil ao Núcleo de Estudos de População "Elza Berquó" (NEPO), da Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP), para investimento no projeto "Eu abraço essa causa: eu uso máscara", que consiste na fabricação de 15 mil máscaras de proteção contra o coronavírus (COVID-19) por costureira locais com perfil de migração interna. Essas profissionais sofreram perda de rendimentos/desemprego motivado pela pandemia, suas máscaras serão  posterirormente  distribuídas  gratuitamente para a populações vulneráveis da cidade de São José dos Campos (SP) por meio da parceria do NEPO com o Núcleo de Extensão Pesquisa-ação  Cartografias Sociais (NEPACS) da Universidade do Vale do Paraíba, coordenado pelas professoras Lidiane Maciel, Fabiana Félix Amaral e pelo Prof. Paulo R. Reschilian.

1º lugar no Prêmio do Conselho Nacional do Ministério Público 2020 na categoria "Transformação Social"




MÍDIA

 

Pesquisa mostra que 62% dos imigrantes entrevistados estão sem emprego no interior de SP


Exibição em 28 out 2020

Atuação do MPT em meio à Pandemia por COVID-19

O cenário atual de pandemia pelo Covid 19 no Brasil requer um olhar atento para populações historicamente vulneráveis, tanto em relação à garantia de geração de renda quanto na prevenção da doença.

Realização:

Apoio:

Parceiros: